Chevrolet Equinox 2.0 Premier AWD Aut. 2018

Por Marcus Lauria (texto e fotos)

EMOÇÃO EM FAMILIA

Para suprir esse mercado de SUVs, que vem crescendo a cada ano, a Chevrolet já vende no Brasil o Equinox. O modelo é de uma categoria superior, com mais recursos e tecnologias comparado aos seus concorrentes. O modelo fica posicionado entre o compacto Tracker e o todo-terreno Trailblazer, tirando a Captiva de linha no Brasil.

Com a estreia da versão Premier na linha da Chevrolet, o Equinox conta com conteúdo inédito e acabamento premium, que é caracterizada pela ampla aplicação de materiais nobres e extensa relação de equipamentos de série. Essa versão já está disponível na nova geração de veículos de passeio da marca nos Estados Unidos. Um logo específico na tampa traseira identifica os automóveis nesta configuração.

Grandão, o Equinox mede 4.652 mm de comprimento, 2.105 mm de largura e 1.695 mm de altura. A parte externa da carroceria traz elementos característicos dos novos produtos globais da Chevrolet, como a frente ampla e horizontal, faróis afilados integrados à grade. O capô tem linha imponente e esculpida nas extremidades. Nas laterais, vincos curvilíneos criam um interessante efeito de luz e sombra, que harmonizam com as grandes rodas de alumínio aro 19.

LINHAS MODERNAS

Na traseira, as linhas horizontais reforçam o foco na execução precisa. O aerofólio parece flutuar sobre o vidro que segue envolvendo toda a área externa do compartimento de bagagem. Na base, duas saídas de escape completam o conjunto. Cromados delineiam as janelas das portas e o mesmo acabamento faz-se presente na grade frontal e dá toque especial ao para-choque posterior e às barras longitudinais do teto.

Juntamente a isso, o veículo possui sensores, radares e câmeras específicas capazes de identificar situações de risco e acionar de maneira autônoma o sistema de frenagem e o de direção para mitigar ou mesmo evitar acidentes. Entre os principais itens de segurança estão: Frenagem automática de emergência (AEB, Função de pré-ativação dos freios, Sistema de compensação de frenagem, Assistência de frenagem de emergência (PBA), Alerta de colisão frontal, Banco do motorista com alerta tátil de segurança, Assistente de permanência na faixa, Faróis Full LED com faixo alto inteligentes e dispositivo de abertura elétrica da tampa do porta-malas por sensor de movimento.

Outro recurso é o farol com ajuste de nivelamento automático, que considera a carga transportada, calibração dos pneus e até a inclinação da via, Alerta de ponto cego com sensor de aproximação repentina, Controle eletrônico de tração e de estabilidade com tecnologia que atenua o risco de capotamento, Alerta de esquecimento de pessoas ou objetos no banco traseiro, Célula de sobrevivência: comum em carros de competição, Câmera de ré com linhas guias e alerta de tráfego cruzado traseiro

FUNCIONAL EM TODOS OS ASPECTOS

O carro ainda oferece uma interessante funcionalidade comumente disponível em aviões de primeira classe: sistema emite ondas contrárias para cancelamento de ruídos externos do motor, amplificando a sensação de silêncio a bordo.

Em relação à conectividade, o Equinox conta com sistema de carregamento wireless para smartphones, sistema multimídia MyLink com tela capacitiva de oito polegadas, GPS e compatibilidade com Apple CarPlay e Android Auto, que permitem projetar o smartphone do usuário diretamente na tela do carro. O veículo é equipado ainda com um compartimento no console central capaz de carregar o smartphone via indução eletromagnética. Basta colocar o telefone compatível com a tecnologia neste espaço para que a bateria seja recarregada sem a necessidade de fios.

Por dentro, o requinte a preocupação com o acabamento é evidente. No Equinox os bancos são revestidos com couro perfurado e costuras duplas. O painel também segue o mesmo padrão. Além disso, acabamentos “soft touch” aplicados em outras áreas de contato, como os apoios de braço e painéis de portas.

O interior também é caracterizado pelos dois tons, Preto Jet Black e Cinza Medium Ash Gray nas superfícies principais. O painel traz peças decoradas com metalização acetinada nas saídas de ar, na moldura central de instrumentos, no console e no volante. O Equinox conta ainda com uma série de outros itens relevantes de conforto e comodidade, entre eles o sistema de som de alta fidelidade com (5) alto-falantes e (2) woofers da marca Bose, banco do motorista com ajuste elétrico (incluindo o lombar) com duas opções de memória, teto solar elétrico panorâmico e sistema semi-autônomo de estacionamento para vagas paralelas e perpendiculares.

GRADONA E CONFORTÁVEL

Devido ao seu entre-eixos de 2.725 mm, o interior acomoda com folga até cinco ocupantes com bagagens. A sensação de amplitude é potencializada pelo teto solar panorâmico. O painel frontal, por exemplo, é desassociado do console central, trazendo mais conforto e espaço para os ocupantes. O volume de carga máxima do Equinox pode variar de 468 litros até 1.627 litros, dependendo da configuração dos bancos. O porta-malas conta ainda um porta-objetos subterrâneo de 79 litros, que possibilita separar fisicamente diferentes tipos de carga.

O console central foi otimizado e alinhado às necessidades reais de uso do consumidor. Acomoda diversos comandos, porta-objetos com iluminação em LED, apoio de braço e os dutos que estende o sistema de ventilação para os passageiros que viajam atrás. Eles têm acesso facilitado à cabine por conta do piso plano, do tamanho das portas e da formatação das colunas em relação ao banco traseiro, cujo encosto conta com dois ajustes de inclinação.

O caráter aerodinâmico também ajuda a maximizar a performance do veículo, que é equipado com o sistema de grade ativa do radiador. Sua função é reduzir o arrasto através do controle de abertura e fechamento eletrônico das aletas conforme a necessidade de arrefecimento do motor e do sistema de ventilação da cabine.

POTÊNCIA AO PRIMEIRO TOQUE NO ACELERADOR

Outro ponto positivo do Equinox é a sua potência, equipado com o motor 2.0 turbo de duplo fluxo com injeção direta de gasolina (o mesmo do Camaro Turbo norte-americano), o propulsor esbanja 262 cavalos e 37 kgfm de torque, capazes de levar o SUV da Chevrolet de 0 a 100 km/h em apenas 7,6 segundos. Como cerca de 90% do pico de torque está disponível de 2.000 rpm a 5.600 rpm, o modelo tem respostas vigorosas nas mais diversas situações de utilização.

Prova de que o motor é muito forte, são os números divulgados pela marca na retomada de 80 km/h a 120 km/h, por exemplo, que é feita em apenas 5,5 segundos, enquanto a velocidade máxima é limitada eletronicamente em 210 km/h. Em conjunto está a transmissão automática sequencial de nove marchas “Clutch-to-Clutch”, de trocas rápidas e bastante suaves. O motor também possui o sistema Stop/Start, que desliga o motor temporariamente em paradas para poupar combustível.

O modelo utiliza-se da arquitetura D2XX da Chevrolet, suspensão independente nas rodas traseiras, estruturas de subchassis e uma quantidade enorme de tecnologias de controle de estabilidade e de tração. Falando em tração, vale mencionar que sistema disponível no Equinox é permanente, do tipo AWD, e pode variar o envio de torque para cada uma das rodas para maior aderência do veículo. Esta tarefa é feita por um central de comando capaz de realizar até mil leituras por segundo. Ele peca na hora de manobrar, o esterçamento do volante é bem limitado, obrigando o motorista a manobrar muito mais do que o necessário.

O Equinox começou a ser vendido em outubro com três anos de garantia e cinco opções de cores: Vermelho Glory, Preto Global, Cinza Graphite, Branco Summit e Prata Switchblade. A versão avaliada custa R$ 150 mil e não tem opcionais, mas a Chevrolet passa a disponibilizar também a versão de entrada LT por R$ 134.900.