Nissan Frontier 2.5 TD CD 4×4 SV Attack Aut. 2015

IMG_2493

Por Marcus Lauria (texto e fotos)

As picapes médias vendidas no Brasil atualmente tem preços e equipamentos quase que equivalentes, assim como motores e acabamento na medida certa. O que diferencia esses modelos um dos outros é o design, o conforto interno e a confiança que cada marca transmite para o consumidor. Por isso, a briga é bem acirrada, tal qual a dos sedans médios.

Pensando em se diferenciar das outras marcas, a Nissan lançou uma versão intermediária com mais equipamentos a um preço baixo, e um visual descolado. A marca japonesa passa a vender a Frontier SV Attack 4×4 Automática com alterações e mudanças que a deixaram mais completa do que antes. Não foram realizadas alterações visuais ou mecânicas na picape, tudo como antes, sem tirar nem por.

Uma das versões mais vendidas pela Nissan, a SV Attack, recebeu um reforço nos itens de série e opcionais, para atrair mais o público desse segmento, para que as vendas continuem subindo. Para a versão 2015, a Nissan investiu em conforto e pequenas alterações no modelo.

Com design diferenciado, a Frontier mostra linhas robustas, que mesclam linhas retas com cortes arredondados na carroceria, revelando um desenho único e exclusivo. Característica essa, encontrada desde a primeira geração da picape. O visual chama a atenção por onde passa e sempre recebe elogios do pessoa das ruas. Basta dar uma paradinha em um posto, restaurante ou mesmo nas ruas para estacionar, que sempre tem alguém perguntando algo sobre ela. A cor verde metálica da versão avaliada também ajuda no visual.

Bem equipada, a versão SV Attack chega com: Computador de bordo; Direção hidráulica; Injeção direta de combustível; CD. MP3, entradas auxiliares e de SD; Câmbio automático com cinco velocidades; Freios com discos ventilados na frente e também atrás. Com ABS e EBD de série. O sensor de estacionamento e câmera de ré são opcionais.

A Frontier tem 5,2 metros de comprimento, 1,9 m de largura, 1,8 m de altura e 3,2 m de distância entre-eixos. De acordo com a marca, sua capacidade de subida de rampa é de 39º e a altura livre do solo é de 220 mm. Além disso, seu ângulo de entrada é de 32º e o de saída é de 24º. A caçamba mede 0,45 m de altura e tem comprimento de 1,51 m e largura de 1,45 m. Já a capacidade de carga é de até 1.030 quilos.

Confortável por dentro, a Frontier tem posição de sedan, só que com o visual mais alto, dando aquela sensação de dono do pedaço. Espaço não falta para motorista e passageiros, até para quem vai atrás, o espaço é folgado. Cheia de porta-trecos e com todos os comandos a mão, fica fácil dirigir essa picape japonesa. Os bancos são confortáveis e não cansam em nenhum momento. A posição de dirigir é fácil de achar, com os vários ajustes de banco e volante disponíveis.

O preço da Nissan Frontier SV Attack 4×4 Automática é de iniciais R$114.790. Sob o capô, está um motor 2.5 16V turbodiesel de 190 cavalos de potência, a 3.600 rpm e um torque de 45,8 kgfm, atingido já a 2 mil rotações, garantindo muita força ao veículo. Em conjunto está a transmissão automática de cinco marchas e overdrive (recurso que atua como sobremarcha), que tem trocas suaves e bem escalonadas, sem trancos. O picape não fica devendo nada nas acelerações e retomadas, ela embala bem nas retas e não deixa a desejar nas curvas, mais nunca é bom abusar. Quica pouco e se mantém estável em todos os momentos. Nem parece que estamos em uma picape, a não ser pelo tamanho dela. É uma ótima opção para quem quer uma picape que parece um sedan.

CONTINUA NA PÁGINA 2