Scania entrega seus primeiros ônibus no Brasil que retiram 125 carros das ruas

Em cerimônia realizada ontem (13) na Câmara Municipal de Curitiba, o prefeito Rafael Greca recebeu e apresentou à população seis biarticulados Scania, que medem 27 metros e têm capacidade para 250 passageiros, os primeiros vendidos pela marca no país. Os veículos fazem parte da renovação da frota da capital paranaense. O evento também fez parte das comemorações dos 326 anos da cidade. A Viação Cidade Sorriso, uma das operadoras do sistema urbano de Curitiba, foi quem adquiriu o lote histórico para a marca, após um processo bem sucedido de demonstrações. A frota completa começa a rodar ainda no primeiro semestre deste ano. A responsável pela negociação e atendimento ao cliente será a Casa Scania Cotrasa.

“Quebramos a hegemonia e a exclusividade de um concorrente. Após uma demonstração real durante sete meses, nas mesmas linhas que os seis modelos irão rodar, comprovou-se uma redução no consumo de combustível de 3% em comparação ao outro competidor, em condições idênticas. Estamos satisfeitos que os resultados operacionais surpreenderam a Viação Cidade Sorriso. Curitiba é referência em mobilidade urbana”, afirma Silvio Munhoz, diretor comercial da Scania no Brasil. “A maior beneficiada será a população, que fez muitos elogios ao modelo, e sabe que encontrará um produto mais moderno para proporcionar um deslocamento mais confortável.”

“As demonstrações que realizamos com o biarticulado da Scania apresentaram ótimos resultados. Estamos confiantes na parceria com essa empresa de indiscutível credibilidade”, diz Mauricio Gulin, presidente da Viação Cidade Sorriso. “Além disso, acreditamos que a concorrência entre fabricantes de biarticulados vai ao encontro do nosso objetivo, que é oferecer ao nosso cliente, o passageiro do ônibus, o melhor produto pelo menor custo.”

O biarticulado Scania está devidamente homologado em conformidade com as normas da Urbs (Urbanização de Curitiba S/A), o órgão gestor que gerencia o sistema de transportes urbanos da capital paranaense. “A Urbs é uma das mais exigentes em termos de homologação no Brasil. Estamos orgulhosos por fazer parte da renovação da frota de Curitiba. Queremos continuar participando da renovação de frota curitibana”, salienta Munhoz. De acordo com o diretor, o biarticulado da fabricante sueca é mais competitivo em função de seu menor custo operacional e traz a vantagem do motor dianteiro, de menor ruído e maior facilidade de acesso, e que ainda reduz os custos de manutenção.

“Após um grande trabalho iniciado com o lançamento do produto em 2015, intensificamos as conversas com o cliente a partir de novembro de 2017. Agora, é comemorar esta importante venda”, afirma Cristiano Locatelli, diretor da Cotrasa. “É gratificante abrir o mercado para a solução do biarticulado na rede Scania e ainda mais no berço do BRT. Nos motiva e fortalece a equipe. É um divisor de águas para este segmento.”

Locatelli também explica como a Cotrasa está se preparando para atender todas as exigências do cliente e da Urbs. “Estamos adequando o estoque de peças, o ferramental e principalmente treinando a equipe técnica para garantir o máximo de disponibilidade da frota”, completa. “Tudo estudado para o bem dos passageiros.”

No dia 22 de novembro de 2017, a Scania apresentou seu biarticulado ao prefeito Rafael Greca. O veículo estava personalizado para as exigências da Urbs (Urbanização de Curitiba S/A), o órgão gestor que gerencia o sistema de transportes urbanos da cidade. Greca havia prometido para a população um processo de renovação da frota da capital a partir do início de 2018.

Fonte: Assessoria de imprensa Scania