Chevrolet Camaro SS 6.2 Conversível 2019

Por Marcus Lauria (texto e fotos)

Se você não gosta de chamar a atenção no trânsito e nem em qualquer lugar que esteja, eu não aconselho comprar o Camaro Conversível 2019, mas se ao contrário, além de ter uma boa conta bancária você gostar de ser visto por todos em qualquer lugar que esteja a sua oportunidade está sendo oferecida pela Chevrolet com a versão conversível desse “muscle car” norte-americano.

A versão do Camaro SS Conversível 2019 chega ainda mais esportiva, com um design mais imponente, transmissão automática sequencial de 10 marchas além dos inéditos sistemas de controle de largada e de aquecimento de pneus traseiros. Além da terceira geração do multimídia MyLink e o retrovisor interno por câmera. Ao todo, desde seu lançamento em 2011, já são mais de 6 mil unidades vendidas no país. O modelo é produzido nos Estados Unidos e está em sua sexta geração.

Com um design mais imponente e esportivo, a linha 2019 traz na dianteira novos faróis em Full LED, além do capô, grade e para-choque remodelados. Destaca-se a gravata Chevrolet vazada na frente.  De traseira é logo observada as lanternas fumê, que aliás, mostram a evolução do conceito “dual-element” da marca e harmonizam com o para-choque de linhas mais musculosas. Visto de lado o Camaro chama a atenção pelas rodas de 20 polegadas escurecidas na cor preta.

Sob o capô está o mesmo motor 6.2 V8 de 461 cv e 62,9 kgfm de torque que trabalha em conjunto com a nova transmissão automática sequencial de 10 marchas, que substitui a anterior, de oito. O câmbio AT10 otimiza os escalonamentos que tornam a condução do veículo ainda mais prazerosa. A relação entre as trocas são mais curtas e permitem que o motor trabalhe em giro otimizado, possibilitando a sensação de retomadas mais vigorosas. Outra vantagem são as trocas mais suaves e o ganho de eficiência energética em velocidades de cruzeiro, quando o motor V8 é capaz de desligar quatro cilindros para economizar combustível. O propulsor se mostra forte o tempo todo, deixando a diversão garantida para quem gosta de acelerar com segurança.

O Camaro vem equipado com sistemas de alta performance, como a plataforma modular Alpha com 11 módulos independentes que otimizam a estrutura e a rigidez; distribuição igualitária de peso entre os eixos; carroceria com elevado índice de materiais de alta resistência e freios de competição com quatro pistões Brembo. O desempenho é garantido em todas as ocasiões, o esportivo é bem arisco e é bom tomar cuidado para não abusar muito de sua potência.

A nova transmissão também trouxe ao Camaro a função de controle de largada, conhecido também como “launch control”, própria para autódromos. O mecanismo permite máxima aceleração para quem busca uma arrancada extremamente eficiente, permitindo que até mesmo motoristas menos experientes consigam desempenhar a manobra como pilotos profissionais. Para uma experiência diferenciada, o controle de largada pode ser customizado através da alteração da faixa de rotação do motor e da porcentagem de escorregamento das rodas.

De acordo com a montadora o Camaro SS avaliado é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos, enquanto a velocidade máxima é limitada eletronicamente em 290 km/h. Além do modo específico para Circuito, – que altera o comportamento também da rigidez da direção, atuação dos controles de estabilidade e de tração, mapeamento da transmissão e do motor – o condutor tem outras três opções, incluindo uma mais branda, ideal para um passeio mais tranquilo.

Outro destaque é o sistema de vetorização do torque (Torque Vectoring), que usa recursos do controle eletrônico de estabilidade para a máxima performance do carro em curvas, possibilitando que as rodas recebam quantidade distinta de torque, na medida exata para a otimização da tração.

Já os pneus oferecerem um bom desempenho tanto em piso seco como molhado, sendo mais largos atrás, onde concentra-se a tração. As medidas são 245/40 ZR20 (D) e 275/35 ZR20 (T). Por serem do tipo Run Flat, podem rodar emergencialmente mesmo furados. Já a função de aquecimento de pneus permite que as rodas traseiras tracionem com o veículo parado. Para ser habilitada, uma sequência de comandos precisam ser acionados por segurança, como o volante centralizado.

Outra inovação que estreia com o Camaro 2019 é a terceira geração do multimídia MyLink, que oferece uma experiência mais centrada nas necessidades do usuário. O equipamento adiciona, entre outros, tela de maior definição e resolução, microfone extra para melhor reconhecimento do sistema de comando de voz, integração com os comandos do ar-condicionado e possibilidade de atualização via Wi-Fi. Pelo multimídia é possível escolher a cor dos LEDs que decoram a cabine. São 24 combinações, incluindo agora 8 opções degradês.

O Camaro traz recursos, como painel customizável, Heads-up Display, alto-falantes Bose, volante com aquecimento, bancos dianteiros com climatização e ajustes elétricos com memória para o do condutor, ar-condicionado dual zone, além de partida remota da ignição.

No modelo conversível, a chave também pode comandar a abertura da capota, que é aberta completamente em 25 segundos. A operação também pode ser feita com o carro em movimento numa velocidade de até 50 km/h. O Camaro ainda traz um sistema de ressonadores que intensifica o ronco do som do motor dentro da cabine em giros mais altos. Um dos pecados do Camaro é o barulho que chega a cabine das imperfeições das péssimas ruas brasileiras, durante o teste o “tec-tec” dos plásticos rolando na cabina eram ouvidos o tempo todo, mas nada que uma bela acelerada que te faça esquecer desses pormenores.

Vale ressaltar ainda a adoção do retrovisor central com câmera de ré para melhor visibilidade em manobras. Item muito útil em veículos esportivos com linha de cintura alta e teto baixo. Já o leque diferenciado de cores inclui o Azul Egípcio (cor do modelo avaliado), o Laranja Imperial e o Amarelo Persa, além do Branco Summit, Preto Ouro Negro e Vermelho Tinto. A versão conversível avaliada custa R$ 365.990.

Deixe uma resposta